SEMANA DE 12 A 18 DE JUNHO

 

 

O mercado não parece ter sofrido com grandes flutuações de preço nesta semana, de forma que o bitcoin - seu principal ativo – que no final da semana passada foi cotado em US$ 6.770,69 , fechou esta semana em US$ 6.539,17 .

 

Depois de uma espera de semanas, a rede EOS foi oficialmente lançada após a computação dos votos de mais de 15% dos tokens da rede, necessários para tornar válida a eleição das 21 entidades – os Block Producers - responsáveis pela manutenção da rede. Dentre eles, temos o prazer de anunciar o EOS Rio, iniciativa da Rede Entropia no Rio de Janeiro.

 

Enquanto isso, a SEC se pronunciou esta semana afirmando que a segunda maior criptomoeda do mundo, o Ether, assim como o bitcoin, não é um veículo de investimento e, portanto, não é um valor mobiliário. Isso significa que a criptomoeda não precisa cumprir os rigorosos requisitos dos EUA quanto a registro, divulgação e credenciamento de investidores.

 

Isso não significa que as autoridades não devem fiscalizar de perto a volatilidade das criptomoedas, principalmente levando-se em consideração a pesquisa divulgada nesta semana de que o preço do bitcoin foi inflado artificialmente, alimentando o disparo dos valores . Segundo o artigo acadêmico de um professor de finanças da Universidade do Texas, o aumento vertiginoso do preço do bitcoin no ano passado foi causado pelas ações secretas de alguns grandes players, em vez de demanda real dos investidores.

 

O que de fato surgiu da demanda de investidores foi o novo fundo de índice de criptomoedas lançado nesta semana pela Coinbase . O produto é especificamente voltado para grandes investidores – investimento entre 250 mil e 20 milhões -, permitindo o acesso a todas as cinco criptomoedas listadas na plataforma.

 

Ainda nesta semanda, David Schwartz, chefe criptografário da Ripple, e pronunciou afirmando que é improvável que os bancos usem livros de contabilidade distribuídos para processar pagamentos transfronteiriços por enquanto devido a questões de escalabilidade e privacidade. Isso, todavia, não significa que eles não estejam levando a sério a tecnologia blockchain.

 

 

 

HIGHLIGHTS DA SEMANA

 

 

Suprema Corte sul-coreana decide que bitcoin é um ativo (Bitcoin Magazine)

A decisão da Corte dá aos ativos digitais maior legitimidade em um momento em que a Coréia do Sul também está no processo de legalização e regulamentação das ICOs.

 

"Nós nos esforçamos muito para não sermos o número um o tempo todo", entrevista com o CEO da Binance, Changpeng "CZ" Zhao (Cointelegraph)

Em julho de 2017, Zhao lançou uma ICO para a Binance que levantou US$ 15 milhões, o que permitiu o desenvolvimento da exchange. Em menos de um ano, a Binance tornou-se a maior exchange em volume do mundo.

 

Ex-presidente do FDIC: O Fed precisa levar a sério sua própria moeda digital (Yahoo! Finance)

Uma moeda digital emitida pelo banco central seria tão estável quanto uma moeda fiduciária tradicional, ao mesmo tempo em que reduziria o risco de crises financeiras e melhoria as ferramentas da política monetária.

 

Como as empresas podem superar o "problema de confiança" ao usar blockchain (Yahoo! Finance)

No lugar de usar intermediários para corroborar a confiança, as empresas podem usar a blockchain, que cria confiança com a tecnologia, o que a torna mais eficiente e escalável do que as abordagens tradicionais.

 

Por que a África é um terreno fértil para a adoção de Bitcoin (CCN)

Segundo a Global Risk Insights, os países africanos adotam cada vez mais as criptomoedas em uma abordagem tecnológica para a digitalização e a diversificação de seus mercados, principalmente, informais.

 

Traders de criptomoedas da Índia podem ter descoberto uma maneira de contornar a proibição do Banco da Reserva da Índia (RBI)  (Quartz)

A proibição de traders e exchanges de manter contas bancárias pode ser contornada se eles conseguirem abri-las no Banco de Sikkin que é autônomo e, portanto, não é afetado pela regulamentação do RBI.

 

 

 

PRINCIPAIS NOTÍCIAS NO BRASIL

 

 

Cade autoriza Shell a financiar commodities com blockchain (Época Negócios)

O braço de comercialização da Shell pretende criar uma joint venture para desenvolver uma plataforma, baseada na tecnologia blockchain, para proporcionar "um balcão único digital de soluções de financiamento de commodities".

 

 

 

OPINIÃO

 

 

A SEC deixará as ICOs boas em paz (Bloomberg)

A visão da SEC é de que os tokens de redes descentralizadas não exigem regulamentação de valores mobiliários, mas se existe uma empresa, e ela arrecada dinheiro ao emitir um token para o público, ela tem as mesmas obrigações de lei de valores mobiliários se levantasse dinheiro emitindo ações ou títulos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>